Literatura de cordel brasileña, ecología y enseñanza del portugués

Contenido principal del artículo

Carlos Nogueira

Resumen

Abordamos en este artículo el pensamiento ecológico de la literatura de cordel brasileña, que, al relacionar áreas como la naturaleza, el medio ambiente, la religión, la técnica, la ciencia, la enseñanza, la ciudadanía y la denuncia de desigualdades e injusticias contra personas, seres vivos y no vivos, configura un ciclo al que la Escuela brasileña está prestando cada vez más atención.

Detalles del artículo

Cómo citar
Nogueira, C. (2013). Literatura de cordel brasileña, ecología y enseñanza del portugués. Ocnos: Revista De Estudios Sobre Lectura, (10), 147-157. https://doi.org/10.18239/ocnos_2013.10.08
Sección
Artículos
Biografía del autor/a

Carlos Nogueira, IELT, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, FCSH, Universidade Nova de Lisboa

Carlos Nogueira (Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, IELT) doutorou-se em Literatura Portuguesa na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, onde também fez um mestrado em Estudos Portugueses e Brasileiros e se licenciou em Línguas e Literaturas Modernas. Tem leccionado Teorias e Modelos da Comunicação, Latim, Língua Portuguesa, Literatura Portuguesa, Literatura Brasileira, Literatura Oral Tradicional, Introdução aos Estudos Literários e Literatura Infantil e Juvenil; tem ministrado cursos e pronunciado conferências em Portugal e no estrangeiro, e colaborado em publicações nacionais e estrangeiras com estudos sobre cultura e literatura de língua portuguesa de várias épocas – da oral, popular e tradicional à erudita, incluindo a que é destinada à infância e à juventude.Tem sido professor e investigador convidado em universidades da Europa e da América Latina. É membro do Centro de Estudos em Letras da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro.A Sátira na Poesia Portuguesa (Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian / FCT, Ministério da Ciência, Tecnologia e do Ensino Superior, 2011), Introdução à Literatura de Cordel Portuguesa (2.ª ed., Porto, Edições Lusitânia, 2012),  Introdução ao Cancioneiro Narrativo Tradicional (2.ª ed., Porto, Edições Lusitânia, 2012) e Os Contos dos Irmãos Grimm (Porto, Edições Lusitânia, 2012) são alguns dos seus últimos livros.É autor de obras dirigidas à infância e à juventude (publicadas, e algumas premiadas em vários países, em Portugal, no Brasil, no México e na Colômbia) e cronista.Recebeu o Prémio de Internacionalização da Produção Científica da FCSH 2011 e o Prémio Montepio de Ensaio 2012.